Você conhece os tipos de pontos-gatilho?




Tendo seu diagnóstico feito através de palpação, profissionais que atendem pacientes com dores musculares podem enfrentar dificuldade de reconhecer pontos-gatilho em estágios mais agudos devido a inflamação e os espasmos musculares muitas vezes presentes nessa etapa. Porém, é importante conhecer os tipos de pontos-gatilho, que podem ser divididos em:


• Ativos: tratam-se de áreas com hipersensilibidade e que que provocam dor mesmo quando não há estímulo, sendo muito sensíveis à palpação e que, quando estimulados, geram padrões de dor característicos de cada músculo. Esse tipo de ponto-gatilho causa fraqueza muscular.


• Latentes: tratam-se de pontos-gatilho silenciosos e que não apresentam dor de forma espontânea, somente com estímulo. Esse tipo de ponto-gatilho também causa fraqueza muscular, diminui a flexibilidade e provoca espasmo local quando é estimulado.


• Pontos-gatilho satélites: tratam-se de pontos-gatilho que podem ter seu desenvolvimento no mesmo músculo do ponto-gatilho primário acometido pela doença que levou à dor muscular, em outros músculos dentro do padrão de dor ou até mesmo em qualquer outro músculo, porém tendem a desaparecer com o tratamento do ponto-gatilho primário.


Para quer saber mais sobre pontos-gatilho e outros tipos de dor, não deixe de acompanhar nossas próximas postagens!


#vamosfalarsobredor #drfelipechiodini #tiposdedor #especialista #medicina #site #matérias #dores #dor #saúde #projeto #medicos #enfermeiro #enfermeira #enfermagem #enfermeiros #enfermeiras #psicologia #fisioterapia #fisioterapeuta #psicologo #controledador #escaladedor #escalasdedor

© 2020 - Overall Agency