Vamos falar sobre cervicalgia?

Trata-se de uma dor localizada na região da coluna cervical e suas imediações, que pode ser crônica (quando sua duração é de várias semanas) ou aguda (quando sua duração é de apenas alguns dias). Um exemplo de cervicalgia aguda muito comum é a torcicolo.


Epidemiologicamente afeta mais as mulheres do que os homens, porém é muito comum na prática clínica. Estima-se que mais de 50% das pessoas terão ao menos um episódio de cervicalgia ao longo da vida. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Ela pode se manifestar através dos sintomas abaixo: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 👉 Dor na nuca irradiando para os ombros ou braços; 👉 Rigidez na nuca; 👉 Desconforto ao movimentar a cabeça; 👉 Dores de cabeça e tonturas; 👉 Formigamento no pescoço. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O tratamento da cervicalgia deve ser adaptado de acordo com a causa do problema do seu paciente, porém, a princípio, a busca imediata deve ser pelo alívio da dor, o que pode implicar na prescrição de analgésicos ou anti-inflamatórios. É frequente também o benefício do uso de relaxantes musculares se houver componente de dor miofascial associado. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Sem esquecer, é claro, das técnicas não-farmacológicas como massagem, acupuntura, fisioterapia, osteopatia, laser, ondas de choque e várias outras com bastante evidência para o tratamento de cervicalgia. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Saiba mais sobre essas dores aqui: www.drfelipechiodini.com.br

#vamosfalarsobredor #drfelipechiodini #tiposdedor #especialista #medicina #site #matérias #dores #dor #saúde #projeto #medicos #enfermeiro#enfermaria #fisioterapeuta #fisioterapia #psicologos #psicologia

© 2020 - Overall Agency