Fisiologia da Dor



Hoje vamos falar um pouco sobre a fisiologia da dor. Um tema muito importante que poucos conhecem a fundo e é base para um entendimento de como os medicamentos de dor são indicados.

No nosso corpo existem neurônios capazes de sentir estímulos como tato, vibração, temperatura e também dor. Os de dor especificamente, são chamados NOCICEPTORES. Eles respondem a estímulos nocivos térmicos, químicos ou mecânicos de várias partes do corpo e levam a informação de que “algo está errado” até a medula espinhal. Dali, outros neurônios levam essa informação até o cérebro que é interpretada por você como DOR.

Quanto há lesão tecidual, existe uma liberação local de substâncias que atuam como sinalizadores de que há um estímulo nocivo, tais como: substância P, íons hidrogênio, bradicinina, ATP e prostaglandinas. O nociceptor tem vários canais que na sua superfície são ativados por essa substância e desencadeiam a formação do potencial de ação, um estímulo elétrico específico que conduzirá essa informação ao longo de todo o neurônio. É assim que os estímulos nocivos externos ou internos são transformados em sinais de dor pelos seus neurônios.

© 2020 - Overall Agency